O PENSAR, SENTIR E VIVER MADALENENSE. UM ESPAÇO DE PARTILHA E DIÁLOGO QUE MARCA PELA DIFERENÇA E QUALIDADE
Quarta-feira, 9 de Julho de 2014
Festas de Santa Maria Madalena

 

Festas de Santa Maria Madalena

2014

 

Maria Madalena

Testemunha da Alegria do Evangelho

 

Novenário de Preparação

 

Domingo, 13 de Julho

12h00 – Eucaristia de Abertura do Novenário

18h00 – Cortejo de Oferendas e Arrematações

 

De 14 a 18 de Julho

18h30 – Celebração do Sacramento da Reconciliação

19h30 – Eucaristia

 

Sábado, 19 de Julho

18h30 – Exposição do Santíssimo Sacramento

19h30 – Eucaristia animada pelo Coro Juvenil da Matriz de Santa Maria Madalena

 

Domingo, 20 de Julho

12h00 – Eucaristia

 

Segunda-feira, 21 de Julho

18h30 – Celebração do Sacramento da Reconciliação

19h30 – Eucaristia de Encerramento do Novenário

 

Solenidade de Santa Maria Madalena

 

Terça-feira, 22 de Julho

10h30 – Eucaristia com Celebração do Sacramento do Baptismo

Animação Litúrgica pelo Agrupamento 904 do CNE da Madalena

12h00 – Bênção de viaturas e saudação à Padroeira

15h30 – Desfile de filarmónicas e saudação à Padroeira

17h00 – Solene Concelebração da Eucaristia

18h30 – Solene Procissão, onde se incorporarão os Fiéis, Organismos Paroquiais, Forças Vivas do Concelho, Autoridades e Filarmónicas

 

Serviço da Palavra

 

            Reverendo Pe. Doutor José Júlio Rocha, Professor de Teologia Moral no Seminário Episcopal de Angra

 

 



publicado por magdala às 01:21
link do post | comentar | favorito
|

Domingo, 22 de Junho de 2014
Homilia do Papa Francisco na Solenidade do Santíssimo Corpo e Sangue de Cristo - 2014

 

"O Senhor, teu Deus, (...) te alimentou com o maná, que tu não conhecias". Estas palavras de Moisés, na 1ª leitura de hoje, fazem referência à história de Israel, que Deus fez sair do Egito, da condição de escravidão, e por quarenta anos o guiou no deserto para a terra prometida. Uma vez estabelecido na terra, o povo eleito atingiu uma autonomia, um bem-estar, e correu o risco de esquecer as tristes vicissitudes do passado, superadas graças à intervenção de Deus e à sua infinita bondade.

 

As Escrituras exortam a fazer memória de todo o caminho feito no deserto, no tempo da penúria e do desconforto. Moisés convida a voltar ao essencial, à experiência de total dependência de Deus, quando a sobrevivência foi colocada em suas mãos, para que o homem compreenda que "não vive somente de pão, mas de tudo aquilo que procede da boca do Senhor.

 

Além da fome material o homem leva consigo outra fome, uma fome que não pode ser saciada com comida comum. É a fome de vida, fome de amor, fome de eternidade. O sinal do maná – como toda experiência do êxodo – continha em si também esta dimensão: era figura de uma comida que sacia esta fome mais profunda que existe no homem. Jesus nos dá este alimento, assim, é Ele mesmo o pão vivo que dá vida ao mundo. O Seu Corpo é verdadeira comida sob a espécie de pão; o seu Sangue é verdadeira bebida sob a espécie de vinho. Não é um simples alimento com o qual sacia os nossos corpos, como o maná; o Corpo de Cristo é o pão dos últimos tempos, capaz de dar vida, e vida eterna, porque a substancia deste pão é Amor.

 

Viver a experiência da fé significa deixar-se alimentar pelo Senhor e construir a própria existência não sobre bens materiais, mas sobre a realidade que não perece: os dons de Deus, sua Palavra e seu Corpo.

 

Se olharmos ao nosso redor, daremos conta de que existem tantas ofertas de alimento que não vem do Senhor e que aparentemente satisfazem mais. Alguns se nutrem com o dinheiro, outros com o sucesso e com a vaidade, outros com o poder e com o orgulho. Mas a comida que nos alimenta verdadeiramente e que nos sacia é somente aquela que nos dá o Senhor! O alimento que nos oferece o Senhor é diferente dos outros e talvez não nos pareça assim saboroso como certas iguarias que nos oferecem o mundo. Agora sonhamos com outros alimentos, como os hebreus no deserto que choravam a carne e as cebolas que comiam no Egito, mas esqueciam que aqueles alimentos eram comidos na mesa da escravidão. Eles, naqueles momentos de tentação, tinham memória, mas uma memória doente, uma memória seletiva.

 

Jesus, defende-nos da tentação do alimento mundano que nos torna escravos, a comida envenenada; purifica a nossa memória, para que não fique prisioneira na seletividade egoísta e mundana, mas seja memória viva da tua presença ao longo da história do teu povo, memória que se faz «memorial» do teu gesto de amor redentor.

 

 



publicado por magdala às 10:06
link do post | comentar | favorito
|

Domingo, 8 de Junho de 2014
Em Domingo do Senhor Espírito Santo...

Um breve olhar sobre as Festas do Senhor Espírito Santo

Festas da Alegria, da Abundância, da Irmandade e da Partilha

 

 

Nestes dias as nossas ilhas e o nosso povo viverão os seus dias maiores com as Festas em louvor do Divino Espírito Santo.

De Santa Maria ao Corvo não haverá ilha, freguesia ou localidade que não esteja em festa.

Estas são as festas do povo que se exprimem na alegria do convívio, na entreajuda comunitária, na vivência da irmandade e na abundância dos bens materiais que partilhados chegam para todos.

Estas são as festas da igualdade em que não há distinção de classes nem de pessoas, pois todos são irmãos e aquele que se torna imperador é-o para servir os demais.

Estas são as festas em que encontramos o verdadeiro sentido do cristianismo.

Saibamos passar da festa à vivência quotidiana iluminados pelas luzes do Espírito Santo.

 

Pe. Marco Martinho

Pentecostes de 2014



publicado por magdala às 10:12
link do post | comentar | favorito
|

Quarta-feira, 18 de Setembro de 2013
Festa de São Mateus

 

21 de Setembro de 2013

 

16h00 - Missa Solene


17h00 - Procissão


18h00 - Arraial pelas Filarmónicas Lira de São Mateus e Lira Madalense com distribuição de rosquilhas



publicado por magdala às 17:32
link do post | comentar | favorito
|

Quinta-feira, 12 de Setembro de 2013
Festa de São Mateus

 

Novenário de São Mateus

2013

 

Participação dos Organismos Paroquiais

 

 

Quinta-feira, 12 de Setembro – Irmandade do Espírito Santo

 

 

Sexta-feira, 13 de Setembro – Associação da Mocidade Católica

 

 

Sábado, 14 de Setembro – Irmandade de Nª Sª da Conceição

 

 

Domingo, 15 de Setembro – Irmandade de São José

 

 

Segunda-feira, 16 de Setembro – Irmandade de São João

 

 

Terça-feira, 17 de Setembro – Agrupamento 1219 do CNE

 

 

Quarta-feira, 18 de Setembro – Casa do Povo

 

 

Quinta-feira, 19 de Setembro – Filarmónica Lira de São Mateus

 

 

Sexta-feira, 20 de Setembro – Irmandade do Santíssimo



publicado por magdala às 17:29
link do post | comentar | favorito
|

Segunda-feira, 12 de Agosto de 2013
Programa das Festas da RTP Açores - Festa do Senhor Bom Jesus Milagroso


publicado por magdala às 16:40
link do post | comentar | favorito
|

Quinta-feira, 8 de Agosto de 2013
Procissão do Senhor Bom Jesus Milagroso


publicado por magdala às 13:24
link do post | comentar | favorito
|

Quarta-feira, 24 de Julho de 2013
FESTAS DO SENHOR BOM JESUS MILAGROSO - 2013



SANTUÁRIO DIOCESANO DO SENHOR

BOM JESUS MILAGROSO

2013

 

ANO DA FÉ

 

“Sei em quem acreditei”

(2 Tm 1,12)

 

Presididas por Sua Excelência Reverendíssima

D. João Evangelista Pimentel Lavrador

Bispo Auxiliar do Porto

 

 

Novenário

 

Sábado, 27 de Julho

19h30 – Solene Transladação da Veneranda Imagem do Senhor Bom Jesus Milagroso, pelo exterior da Igreja, para o trono do Santuário

Eucaristia Solene de Abertura do Novenário

Lançamento oficial do Portal Digital da Diocese de Angra

 

De 28 de Julho a 4 de Agosto

18h30 – Adoração Eucarística e Celebração do Sacramento da Reconciliação

19h30 – Eucaristia

 

Segunda, 29 de Julho

22h00 – Abertura de exposições de artesãos da comunidade de São Mateus

Visionamento de imagens relacionadas com as efemérides celebradas na Festa do Senhor Bom Jesus Milagroso 2012 – Casa Povo S. Mateus (CPSM)

(Exposições patentes ao público até ao dia 6 de Agosto, das 21:30h às 00:00h)

 

Terça, 30 Julho

20h30 – Romagem ao Cemitério de São Mateus e homenagem a Francisco Ferreira Goulart, oferente da Imagem do Senhor Bom Jesus e ao Pe. Joaquim Vieira da Rosa, 1º Reitor do Santuário

22h00 – Concerto pela Filarmónica Lira de São Mateus e homenagem ao músico Manuel Avelino Goulart – CPSM

 

Quarta, 31 Julho

21h00 – Noite de Fados, com ceia, abrilhantada pelo Grupo de cordas “Ecos do Fado” da Ilha do Faial, com os artistas Humberta Pinheiro, José Ferreira, Luís Carlos Garcia, Manuel Costa e Tânia Gonçalves – CPSM

 

Quinta, 1 Agosto

22h00 – Noite de dança Zumba com a monitora Cláudia Jorge – CPSM

 

Sexta, 2 Agosto

22h00 – Folga de chamarritas – Largo do Passo

Desfile da Marcha de Santo António do Canto

 

Sábado, 3 de Agosto

10h00 – VI Regata de Botes Baleeiros – Terra do Bom Jesus Milagroso – Porto de São Mateus

21h30 – Apresentação da peça “Deuses como nós” pelo Grupo de Teatro Gota de MelCPSM

 

Domingo, 4 de Agosto

16h00 – Romagem ao Cemitério das Lajes e homenagem ao Pe. António Filipe Madruga, 2º Reitor do Santuário

18h30 – Adoração Eucarística e Celebração do Sacramento da Reconciliação

19h30 – Eucaristia de Encerramento do Novenário

20h30 – Lançamento do Livro “O Bom Jesus Milagroso de São Mateus do Pico – Exemplo de Património Cultural Imaterial” da Drª. Débora Goulart, pela Doutora Susana Goulart Costa  

Actuação do Coro Madalena

22h30 – Actuação do Ronda das Nove

Durante o Novenário o Santuário estará aberto até às 24 horas

 

Vigília

 

5 de Agosto

15h00 – I Encontro de Acólitos da Diocese de Angra

18h30 – Eucaristia

19h30 – Arrematação de gado

21h00 – Desfile de Filarmónicas

22h30 – 23h30 – Celebração do Sacramento da Reconciliação

21h30 – Filarmónica Lira São Mateus

22h45 – Filarmónica Recreativa Musical União Sebastianense – Terceira

24h00 – Filarmónica União Popular da Ribeira Seca – São Jorge

 

Solenidade

 

6 de Agosto

08h00 – Alvorada pelas Filarmónicas Lira de São Mateus, Recreativa Musical União Sebastianense e União Popular da Ribeira Seca

08h30 – Eucaristia

09h00 – 11h00 – Celebração do Sacramento da Reconciliação

11h00 – Eucaristia

14h00 – 16h00 – Celebração do Sacramento da Reconciliação

14h00 – Filarmónica Recreio dos Pastores

15h15 – Filarmónica União Artista de São Roque

16h30 – Solene Concelebração Eucarística

18h00 – Solene Procissão

21h30 – Filarmónica União Faialense

22h45 – Filarmónica União e Progresso Madalense

24h00 – Filarmónica Lira Madalense

 

Encerramento

 

7 de Agosto

19h30 – Eucaristia e Te Deum de Acção de Graças com a Transladação da Veneranda Imagem do Senhor Bom Jesus Milagroso para a Sua Capela

21h00 – Filarmónica Lira Fraternal Calhetense

22h30 – Grupo Folclórico de São Mateus

 

Serviço da Palavra

 

Novenário e alocução – Reverendíssimo Pe. Doutor José Júlio Rocha, Pároco de São Pedro de Angra e docente do Seminário Episcopal

 

Festa – Excelentíssimo e Reverendíssimo Senhor D. João Evangelista Pimentel Lavrador, Bispo Auxiliar do Porto

 



publicado por magdala às 22:36
link do post | comentar | favorito
|

Sábado, 13 de Julho de 2013
Saudação do Pároco da Paróquia Matriz de Santa Maria Madalena



Ao celebrarmos a Festa da nossa Padroeira endereço uma calorosa saudação a todos os madalenenses e a todos aqueles que nos visitam nestes dias festivos.

Em pleno Ano da Fé, somos convidados a contemplar de forma mais comprometedora a nossa amada Padroeira Santa Maria Madalena. Ela foi a primeira testemunha da ressurreição de Jesus. Ela foi a primeira a acreditar que o Senhor estava vivo. Ela foi a primeira a quem o Senhor ressuscitado confiou a missão de ir anunciar a vitória da ressurreição. Somos convidados a aprender com ela a sermos homens e mulheres da fé, do testemunho e da missão.

É por tal motivo que ano após ano promovemos a sua festa, para que ela nos ajuda com a sua intercessão a professarmos, a celebrarmos e a vivermos a nossa fé.

No contexto deste Ano da Fé escolhemos como tema central das nossas festividades a exortação de São Paulo na segunda carta a Timóteo (2,11) “sei em quem acreditei”, pois é no Senhor Jesus que acreditamos, é Ele que celebramos, é Ele que vivemos.

Para nos orientar espiritualmente convidámos o Reverendo Pe. João António Bettencourt da Neves, Ouvidor Eclesiástico da Ilha Graciosa, que nos ajudará a preparar e a viver o novenário e a solenidade da Padroeira.

Termino agradecendo a todos aqueles que das mais variadas formas, no silêncio do seu trabalho, na oração e na esmola, concorrem para estas festividades, quer dentro quer fora do templo.

Uma palavra especial à Câmara Municipal da Madalena na pessoa do seu Presidente José António Soares e à empresa municipal responsável pela organização das nossas festas, na pessoa do Vereador Marco Costa.

Tendo bem presente o exemplo Santa Maria Madalena, faço votos de que as nossas festas nos ajudem a sermos cada vez mais fortes na fé, alegres na esperança e activos no amor.

A todos desejo umas santas e alegres festas na sã harmonia cristã.

 

 

O Pároco da Paróquia Matriz de Santa Maria Madalena

                                        

Pe. Marco Paulo de Matos Martinho

 

 



publicado por magdala às 10:28
link do post | comentar | favorito
|

Sexta-feira, 12 de Julho de 2013
Festas de Santa Maria Madalena - 2013


Festas de Santa Maria Madalena

2013

 

Ano da Fé

 

Sei em quem acreditei

(2 Tm 1,12)

 

Novenário de Preparação

 

Sábado, 13 de Julho

18h30 – Exposição do Santíssimo Sacramento

19h30 – Eucaristia de Abertura do Novenário

 

Domingo, 14 de Julho

12h00 – Eucaristia

18h00 – Cortejo de Oferendas e Arrematações

 

De 15 a 19 de Julho

18h30 – Celebração do Sacramento da Reconciliação

19h30 – Eucaristia

 

Sábado, 20 de Julho

18h30 – Exposição do Santíssimo Sacramento

19h30 – Eucaristia animada pelo Coro Juvenil da Matriz de Santa Maria Madalena

 

Domingo, 21 de Julho

12h00 – Eucaristia de Encerramento do Novenário

 

Solenidade de Santa Maria Madalena

 

Segunda-feira, 22 de Julho

10h30 – Eucaristia com Celebração do Sacramento do Baptismo

Animação Litúrgica pelo Agrupamento 904 do CNE da Madalena

12h00 – Bênção de viaturas e saudação à Padroeira

15h30 – Desfile de filarmónicas e saudação à Padroeira

17h00 – Solene Concelebração da Eucaristia

18h30 – Solene Procissão, onde se incorporarão os Fiéis, Organismos Paroquiais, Forças Vivas do Concelho, Autoridades e Filarmónicas

 

Serviço da Palavra

 

            Reverendo Pe. João António Bettencourt das Neves, Ouvidor Eclesiástico da Ilha Graciosa

 



publicado por magdala às 17:26
link do post | comentar | favorito
|

mais sobre mim
A partir de 20 de Março de 2009
geocontador
Julho 2014
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30
31


Arquivos

Julho 2014

Junho 2014

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Setembro 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Favoritos

Magdala

Hiperligações
Mapa
Globo
Países
blogs SAPO
subscrever feeds